Pular para o conteúdo

Pintura de ambientes de conceito aberto

O equilíbrio da paleta de cores é essencial para a harmonia entre os espaços.

Escolher a paleta de cores de um ambiente é uma das etapas mais divertidas e criativas do design de interiores. A vastidão de opções de tons de tinta, texturas e efeitos de acabamento permitem que as pessoas explorem a criatividade e transmitam a sua personalidade no teto e nas paredes dos cômodos.

Toda essa liberdade, entretanto, pode gerar algumas dúvidas. Afinal, será que determinado tom fica mesmo bom nesse lugar? As cores do ambiente ornam entre si? Como ter certeza antes de começar a mudança? O uso de aplicativos para testar a cor da parede é uma das estratégias adotadas para avaliar as opções. Em ambientes com conceito aberto, onde a harmonização requer cuidado extra, essa pode ser a melhor alternativa!

Pintura de ambientes: O conceito aberto

O conceito aberto pode ser definido como um modelo de layout dos espaços onde não existe um delimitador tradicional, como é o caso das paredes. Diferente das casas mais antigas, onde os cômodos são rigorosamente divididos, no conceito aberto os espaços fluem entre si e se transformam em uma nova área. A ressalva fica para os locais mais íntimos, como os banheiros.

Também conhecido como espaço integrado, esse estilo de layout aborda a separação de cômodos de outras maneiras. Agora, os delimitadores são móveis, itens decorativos e até mesmo a paleta de cores, que pode ajudar na diferenciação das áreas. Na hora de escolher os tons, é preciso ter cuidado para manter a harmonia e tomar decisões assertivas.

Pintura de ambientes de conceito aberto
Pintura de ambientes de conceito aberto. Foto: Freepik

A conexão entre as cores

O primeiro passo para ter uma paleta de cores bem estruturada em um conceito aberto é escolher tons que se conectam. É preciso ter em mente que, dependendo do ponto de onde se observa, as colorações de diferentes cômodos se misturam e, portanto, devem estar harmoniosas entre si.

Para isso, é possível optar por diversas estratégias: escolher cores complementares, análogas ou variados tons de uma mesma tonalidade. O importante é se manter atento às combinações e traçar uma estratégia, de modo que o ambiente não fique visualmente pesado ou poluído. Delimitar um número máximo de cores também ajuda a evitar excessos.

A delimitação dos espaços

Em um espaço integrado, pode ser mais difícil delimitar onde termina e onde começa um novo cômodo. Nesse sentido, a escolha das cores também pode ser uma estratégia para tornar o local mais delimitado e sinalizar a troca de ambientes.

Modificar a intensidade do tom, trabalhar com o contraste de cores ou adicionar uma textura são algumas das estratégias adotadas para conquistar uma transição sutil e harmônica. O ideal é que a demarcação não fique tão evidente e seja percebida de forma intuitiva.

A harmonia entre os ambientes

A harmonia é a principal preocupação de quem tem um cômodo em conceito aberto. Além de tomar cuidado com a escolha da paleta de cores, é essencial observar o tipo de acabamento e a textura de cada tinta. Aplicar opções muito distintas, por exemplo, pode causar estranhamento visual.

Os demais elementos dos espaços, como os móveis e a decoração, também merecem cuidado e devem estar em harmonia com as cores. Quando se pensa em um ambiente integrado, é essencial se lembrar que tudo se conecta.

Você pode testar antes de começar

A tecnologia trouxe consigo diversos avanços, entre eles está a possibilidade de testar pinturas e itens de decoração antes de colocar a mão na massa. Quem ainda está inseguro com as escolhas ou em dúvida entre mais de uma opção de paleta, pode recorrer a essa ferramenta. Dessa forma, as chances de chegar em um resultado satisfatório colocando as dicas em prática se tornam ainda maiores.

E aí, Gostou?

E então, entendeu melhor sobre a pintura de ambientes? Caso tenha ficado com alguma dúvida, não deixe de comentar aqui abaixo nos comentários que vamos ajudar você no que podermos!

E se você gostou desse conteúdo e caso tenha ajudado de alguma forma, não deixe de votar em nossas estrelinhas, que dessa forma você ajuda o time do Portal KD a sempre continuar a trazer mais e melhores conteúdo para você, leitor!

Por que o equilíbrio da paleta de cores é essencial em espaços de conceito aberto?

O equilíbrio da paleta de cores é essencial para criar harmonia visual entre os ambientes, já que as cores se misturam em espaços integrados.

Como delimitar os espaços em um ambiente de conceito aberto?

Além das paredes, a escolha das cores pode ser uma estratégia para delimitar os espaços, através do contraste, intensidade do tom ou uso de texturas.

Como garantir a harmonia entre os ambientes em conceito aberto?

Além da paleta de cores, é importante observar o tipo de acabamento e a textura das tintas. Os móveis e a decoração também devem estar em harmonia com as cores escolhidas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Afiliado